.

Diversos são os momentos em nossas vidas onde situações, decisões e acontecimentos nos levam a refletir, ponderar e avaliar o próximos passos. Além de um processo essencial ao autoconhecimento e evolução, esse o exercício da reflexão permite a expansão do conhecimento necessário para continuar em frente, assumindo novos comportamentos. 

Refletir é aprender constantemente diante das experiências da vida. Avaliar seus atos, posturas e conceitos com relação ao próximo é também condição inerente à reflexão onde, a partir do momento onde o indivíduo analisa, toma consciência e passa a reconhecer seus erros ou experiências negativas, passa a se comportar, pensar e agir de maneira mais adequada ou adota novas estratégias.


O exercício da reflexão nos leva ao conhecimento

Do latim reflectere, o termo reflexão tem seu significado atrelado à retrocesso, voltar para trás. No entanto, pode ainda ser aliada ao sentido de duplicação, como acontece diante de um espelho, onde nossa imagem chega até ele e retorna à nós, permitindo olhar dentro de nossos olhos e enxergar imperfeições superficiais e aflições da alma. A união destes dois significados exprime com precisão o processo de reflexão pois, para ele, é necessário olhar para si mesmo e retroceder seus pensamentos e atos, a fim de encontrar os erros para promover a solução.

Os indivíduos que tem como cultivo frequente a reflexão são incentivados a todo o momento a examinar o mundo em que vivem como um todo, porém de um outro ângulo. Eles comparam, contestam e buscam as respostas à questões pessoais, sobre a natureza e o comportamento da sociedade.

O exercício da reflexão desperta em cada um de nós a capacidade de desenvolver uma nova visão de mundo, bem como a consciência crítica; refletir permite superar as concepções ingênuas e alienadas sobre a realidade social presente diante dos olhos.
Quanto mais um indivíduo compreende sua realidade através dos processos de reflexão, maiores são suas chances de desenvolver o conhecimento essencial para modificar e transformar essa realidade em que está inserido. 

No processo do conhecimento, é muito importante que o indivíduo se permita dizer “eu não sei” e, assim agregar e evoluir como ser humano. Como já ensinado pelo filósofo chinês Lao-Tsé: “Para ganhar conhecimento, adicione coisas todos os dias. Para ganhar sabedoria, elimine coisas todos os dias.” Portanto, pergunte, questione-se, mude, pois são as perguntas que fazem o mundo girar.

Gostou? Compartilhe!