.
O que diz o Ayurveda sobre acordar cedo? Descubra 5 fatos

O que diz o Ayurveda sobre acordar cedo? Descubra 5 fatos

Existem pessoas que “funcionam melhor” à noite, enquanto outras encontram seus níveis máximos de energia durante a manhã. E por mais que esses perfis pareçam bem confortáveis, o fato é que seu organismo foi desenvolvido para começar a funcionar bem cedinho. Pelo menos é isso que afirma o Ayurveda — e você deveria tentar mudar seus hábitos.

5 dicas do Ayurveda para você começar a acordar cedo

“Deus ajuda quem cedo madruga”. Você provavelmente já cansou de ouvir esse dito popular. Não à toa, até mesmo os deuses hindus ajudam aqueles que acordam mais cedo. Segundo o Ayurveda, só existem benefícios em acordar antes do raiar do Sol, e a seguir você verá alguns deles.

  • 1

    A unidade de tempo Muhurta

    No hinduísmo, muhurta é uma unidade de tempo, assim como minutos ou segundos, por exemplo. Entretanto, um muhurta tem a duração equivalente a 48 minutos.

    Um dia tem 30 muhurtas, sendo que o penúltimo é chamado de Brahma Muhurta. Esse período começa 1 hora e 36 minutos antes do nascer do Sol, terminando 48 minutos antes do seu nascer — contabilizando o último muhurta.

  • 2

    O horário de Vata

    Considerados humores biológicos, o Ayurveda declara a existência de três doshas no corpo humano, os quais recebem os nomes Vata (composto por Ar e Éter), Pitta (composto por Fogo e Água) e Kapha (composto por Terra e Água). Eles oscilam durante o dia, e isso influencia diretamente nosso comportamento.

    Das 6h às 10h temos o período Kapha, causando peso e lentidão. Apesar de serem os horários onde a maioria das pessoas desperta, não é uma boa escolha acordar durante o período Kapha. Perceba que também é comum ter pesadelos ou sonhos confusos nessas horas.

    O período que antecede Kapha é justamente o Brahma Muhurta, marcado pela presença do dosha Vata. Essa é a hora em que a atmosfera está repleta de Prana (energia vital), promovendo flexibilidade, entusiasmo, movimento, atividades mentais saudáveis, secreção adequada de enzimas e hormônios, dentre tantos outros benefícios.

    Além de ser mais fácil despertar no horário Vata, o dia certamente será mais produtivo e saudável.

  • 3

    O relógio biológico e a longevidade

    Você provavelmente já ouviu falar em relógio biológico, certo? Mas apesar de saber que ele existe, nem todos se deixam guiar pela própria natureza e permitem que esse relógio funcione adequadamente.

    O relógio biológico é um mecanismo natural do corpo que está sempre fluindo — ou tentando fluir — em conjunto com os ciclos da natureza. Todas as nossas funções e atividades do corpo já estão pré-programadas, e existem horários para que a secreção de hormônios e enzimas ocorram.

    O corpo humano está naturalmente programado para dormir durante a noite e entrar em atividade logo cedo pela manhã. Sendo assim, manter uma rotina matinal é sinônimo de saúde e longevidade. Acordar cedo é zelar pela manutenção do seu sistema e órgãos, sem entrar em atrito com sua própria natureza.

  • 4

    Brahma Muhurta, a “Hora do Criador”

    O termo Brahma Muhurta, que você já viu no início do artigo, tem um significado muito mais profundo do que se imagina. Sua tradução literal seria “Hora do Criador”, uma vez que Brahma é o primeiro deus da Trimurti, e o Criador do Universo.

    Isso significa que o momento antes do nascer do Sol é o período de maior pureza, tanto na atmosfera quanto nas nossas mentes. Aproveite o momento para colocar as práticas espirituais em dia. Programe sua rotina com calma, sem sofrer as interferências que são comuns durante o dia, como barulhos, por exemplo.

  • 5

    O oxigênio na atmosfera

    Por fim, mas não menos importante, até mesmo a ciência afirma que as primeiras horas da manhã são mesmo as mais saudáveis do dia. Durante o período do Brahma Muhurta, a concentração de oxigênio é a maior do dia, totalizando cerca de 41%.


Saiba Mais:

Heloisa Von Ah Heloisa Von Ah

Designer e redatora, respira arte desde que se entende por gente. Apaixonada por gatos, literatura, cinema e músicas que já ninguém mais se lembra, vê na calmaria e na simplicidade o cenário ideal para se viver. Aprendeu de tudo um pouco, de instrumentos musicais a artes marciais; e não vê a hora de mais, já que a vida não pode parar