.
A mediunidade nos animais: o que eles sentem?

A mediunidade nos animais: o que eles sentem?

Não há dúvida de que os animais são muito sensíveis aos espíritos e estão naturalmente sintonizados com freqüências mais energéticas que os humanos – porque desenvolvemos mecanismos de bloqueio inconscientes quando deixamos a infância, em vez de nutrir e desenvolver nossas habilidades conectivas. Os animais, enquanto mediums, também residem mais perto do Divino, o que lhes dá uma compreensão mais profunda e mais ampla do mundo natural, incluindo os espíritos.

Muito da mediunidade nos animais, muitas vezes subestimado como instinto ou memória genética, é devido à sua capacidade de trocar informações através da telepatia e outras formas de transferência energética.

Telepatia nos animais

A telepatia – através de imagens, sensações e empatia – é o coração da matriz linguística espiritual. É também a nossa linguagem metafísica comum com os animais, combinando com vocalizações, gestos, expressões faciais e linguagem corporal.

Os animais são capazes de se comunicar uns com os outros, através das espécies, e inter-dimensionalmente devido à sua afirmação contínua e aceitação de seus acessos intuitivos. São os humanos que enfraquecem essas formas de comunicação mais profundas por meio de dúvidas, medo, desuso e outras barreiras que os animais não têm. Os animais nos ajudam a desmistificar a telepatia e ampliar nossa consciência do mundo.


Clique Aqui: Mediunidade nos animais: os animais também podem ser médiuns?


A mediunidade animal enquanto dom

Assim como as pessoas, cada animal é único e dotado de diferentes dons, e alguns são mais aptos espiritualmente que outros. Alguns são jovens almas com limitada compreensão de sua missão e propósito, enquanto outros aprenderam o domínio espiritual através de muitas vidas de experiência. Tudo, no entanto, pode nos ajudar a desenvolver a fluência na linguagem da telepatia baseada no coração.


Clique Aqui: Como distinguir realidade de mediunidade


Sentidos Elevados: a visão dos animais

A visão humana é bastante limitada quando comparada com alguns outros membros do reino animal. Caçadores de fantasmas modernos contam com óculos de visão noturna, câmeras infravermelhas e de espectro total, e análise de imagens digitais. Os animais têm alguns desses equipamentos ópticos de alta tecnologia incorporados, o que contribui para a mediunidade nos animais.

Olhos de gato e cachorro têm mais hastes para melhor detecção de movimento, e células especiais na parte de trás do olho dão aos gatos visão noturna seis vezes melhor que os humanos. Algumas lagartixas têm visão noturna trezentas e cinquenta vezes melhor do que os humanos, vêem as cores claramente no escuro e possuem olhos multifocais.

O camarão mantis tem dezesseis receptores de cor que detectam cores desconhecidas para os humanos, e eles podem ver luz polarizada ultravioleta, infravermelha, polarizada e circular. Até mesmo o humilde rato tem incríveis habilidades ópticas, movendo seus olhos independentemente nos eixos vertical e horizontal, um olho examinando o céu em busca de predadores enquanto o outro inspeciona o solo.


Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.