.
As Escolas do Feng Shui - veja a diferença entre elas

As Escolas do Feng Shui - veja a diferença entre elas

O Feng Shui possui diversas linhas e escolas diferentes que foram surgindo com o passar dos anos. Conheça no artigo as principais escolas que doutrinam a harmonização de ambientes.

Encontre as respostas para os seus pedidos!

Aceite a ajuda do seu Anjo, viva melhor.

Quero a Ajuda Espiritual!

As Escolas do Feng Shui – do tradicional ao moderno

O Feng Shui possui diversas abordagens e escolas, que ensinam os preceitos de como harmonizar um ambiente para que ele favoreça a circulação da energia Chi e atraia energias positivas para o espaço. Passando pelo Feng Shui tradicional e moderno veja as diferenças entre as escolas desta prática:

  • Escola da Bússola

    Esta é a escola mais popular e mais utilizada no Oriente. É a escola milenar, dos primórdios do Feng Shui, e ela seleciona ao ambiente as condições propícias através de cálculos utilizando a bússola Lou Pan. A bússola possui a agulha imantada no eixo norte/sul, com aneis que circundam contendo informações sobre os planetas, os signos, os animais, as oito direções e outros conhecimentos. A interpretação dos resultados apontados pela bússola é bem complexa e leva em conta o ambiente, o ser humano que vive no espaço através da análise do seu mapa astral, do seu elemento regente, do seu número pessoal e dos seus ciclos na astrologia chinesa.

  • Escola das Formas

    Essa é a escola mais tradicional do Feng Shui. O foco principal desta escola é o equilíbrio das energias do ambiente com a observação de cores, texturas, formas e simbologias do nosso universo humano. Ao ser aplicada, são levados em conta o terreno do ambiente, a planta da casa, os objetos que circundam, a posição em relação ao sol, etc. Para isso, um especialista em Feng Shui analisa o ambiente fazendo um estudo dos pontos cardeais do local.

  • Escola do Budismo Tântrico (ou Escola do Chapéu Preto)

    Esta é a escola de Feng Shui mais utilizada no Ocidente. Esta escola foi fundada pelo mestre chinês Lin Yun na década de 70 utilizando preceitos da escola da Forma associada à práticas de caráter metafísico. É uma escola prática, eclética, baseada na intuição e no conhecimento místico. Para criar esta escola, Mestre Lin Yun utilizou o conhecimento de Feng Shui com a filosofia do budismo tântrico tibetano. É desta escola a interpretação dos ambientes através do Baguá.

  • Escola da Pirâmide

    A Escola da Pirâmide é uma versão ocidental do Feng Shui. Ela foi fundada pela consultora americana Nancilee Wydra que buscou trazer a técnica para um ponto de vista contemporâneo e ocidental, fazendo uma relação entre os conhecimentos do Feng Shui e a ciência moderna. Nesta escola, há influência da psicologia na prática da técnica, adaptando a mesma às condições climáticas, ambientais e culturais do mundo ocidental.

  • Escola Xuan Kong Fei Xing (ou Estrelas Voadoras do Tempo-Espaço)

    Esta escola pode ter um nome estranho para nós ocidentais, mas é considerada a mais sofisticada técnica de Feng Shui existente, e é amplamente praticada na Ásia. Esta técnica utiliza o raciocínio lógico e fórmulas matemáticas para analisar os seguintes aspectos: o tempo, o espaço (as construções), as pessoas e o ambiente (o entorno). Esta escola avalia a influência vibracional no ambiente e no espaço produzida pelos homens, e analisa como essa influência age na saúde e prosperidade do local ao longo do tempo. Esta visão do Feng Shui é dinâmica, pois segundo esta escola a qualidade da vibração de um local muda com o tempo se não for renovada. Na escola do Mapa das Estrelas Voadoras, utiliza-se também a bússola Luo Pan para a orientação magnética da construção.

  • Escola Ba Zhai – (ou Escola dos 8 Palácios)

    Esta é considerada a mais nova escola de Feng Shui Clássico. Baseada na forção da Tradição San-He, que possui mais de mil anos, essa técnica utiliza da sabedoria tradicional com aplicações modernas. Os dados recolhidos para a criação desta escola falam de mais de 300 anos de sabedoria acumulada.

    Nesta técnica, utiliza-se uma bússola (que pode ser uma bússola comum mas também pode ser usada a bússola Luo Pan, para os consultores mais tradicionais) para o mapa do espaço. Ela considera um espaço fixo e sua utilização prática par analisar as relações existentes entre os moradores e o espaço. Este estudo analisa o meio externo, a planta da casa e as influências existentes para realizar a harmonização. Há traços de diversas escolas de Feng Shui dentro desta prática.

Encontre aqui a orientação espiritual que procura!

Saiba mais :

Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Jornalista, mestre em Ciências da Comunicação e escolheu esse destino por amar ler e escrever desde criança. Vive conectada à internet, não perde uma novidade do cinema, da música e da literatura e busca constantemente a evolução pessoal e espiritual

 

Faça aqui a sua Consulta Online Personalizada:

Gostou? Compartilhe!