.
Psicografia: o que é e como funciona?

Psicografia: o que é e como funciona?

A Psicografia é uma técnica que faz com que determinados praticantes da mediunidade possam entrar em contato e transcrever mensagens sob a influência de espíritos desencarnados, transformando-os em psicógrafos ou médiuns escreventes.

Sendo muito completo e seguro, este meio de comunicar-se com os espíritos é muito procurado e rende bons resultados de contato, já que as mensagens geralmente são longas e estão registradas da maneira como o espírito guia.

Essa classe de médiuns psicógrafos pode ainda ser subdividida em outras três:

  • Os mecânicos: o tipo mais raro, já que os espíritos agem sobre a mão do médium sem sua consciência disso, não sendo cognitivo, apenas físico.
  • Os intuitivos: o tipo mais comum, já que o espírito age sobre a pessoa, lhe comunica que fará a intervenção, identifica-se e lhe transmite a mensagem de forma consciente e racional, usando-o literalmente como um intérprete da sua mensagem ao mundo.
  • Os semi-mecânicos: um tipo relativamente comum, já que mesclaria os dois anteriores, como uma ação de força física incontrolável combinada com a consciência de que isso aconteceria.

Assim, na psicografia os espíritos costumam buscar justamente contato com os médiuns capazes de transmitir sua mensagem sem alterações ou más interpretações, na íntegra e da forma desejada. Para isso o médium precisa estar em conexão mental com este espírito, só assim essa captação, assimilação e transmissão serão possíveis.

Não apenas isso, mas desenvolver esse tipo de habilidade não está apenas ligado a ter tendências de vocação ou afinidade, o médium precisa desenvolver muito estudo sobre si, sobre a técnica e sobre o mundo espiritual de uma maneira geral, além de tudo, precisa despertar no espírito em questão esta conexão que os liga pela confiança de ser um transmissor no entre planos existente, sendo íntegro, honesto, transparente, simples, benevolente e compreensivo para com quem transmite e quem lerá depois.

Expoente da psicografia no Brasil, temos o clássico exemplo de Francisco Cândido Xavier, ou apenas Chico Xavier, médium, filantropo e um dos mais importantes espíritas da história. Tendo psicografado mais de 450 livros e cerca de dez mil cartas, ele mostrou que seu dom advinha de um talento incomum e de muito estudo, chegando a ser indicado ao Nobel da Paz. Chico Xavier com toda a sua trajetória popularizou boa parte do que se sabe sobre o Espiritismo, a mediunidade e a psicografia no Brasil, uma herança incomparável de dedicação e sabedoria.


Clique Aqui: Mediunidade: um dom que pode ser descoberto em você


Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.