.
Cão ou gato: como é a sua personalidade?

Cão ou gato: como é a sua personalidade?

Os estereótipos populares sugerem que aqueles que se identificam como “pessoas de cães” diferem em seus traços de personalidade de “pessoas de gato”. Uma típica pessoa que gosta mais de cachorro, e que se identifica com um, pode ser descrita como “leal, direta, gentil, fiel, útil e um jogador de equipe”. Enquanto isso, uma pessoa que tipicamente se asemelha mais aos gatos são mais “graciosas, sutis, independentes, inteligentes, pensativas e misteriosas”

Como saber quem é você?

Estudos sugerem sugere que essas afirmações possuem um fundo de verdade. Uma pesquisa online com mais de 4.500 pessoas descobriu que aqueles que se autoidentificaram como “pessoas de cachorro” são mais extrovertidas, agradáveis ​​e conscientes em comparação com aqueles que se autoidentificaram como “pessoas de gato”. As pessoas que se identificaram como gatos também estavam mais abertas à experiência e mais neuróticas, de certa forma, do que as pessoas que se identificam como um cachorro.

As pessoas de cães tendiam a não diferir muito daqueles que também se identificavam como um cão. As pessoas de gato, por outro lado, tendiam a diferir visivelmente de todos os outros do grupo, sugerindo que este tipo de pessoa acaba por se destacar mais no meio de uma multidão de seres parecidos. Ao olhar para esta comparação de forma mais profunda, podíamos analisar se as pessoas dos dois grupos teriam resultados importantes e diferentes da vida associados a traços de personalidade. Por exemplo, as pessoas de cães são mais felizes do que as pessoas de gato?


Clique Aqui: Descubra a essência da sua personalidade: faça o teste dos animais


Nem tudo é o que parece

Uma coisa importante a notar é que a ideia de ser uma pessoa de cachorro ou de gato não é o mesmo que ser ou não um desses animais de estimação. Nem todos os donos de cães ou gatos se autoidentificam como as características citadas acima de uma pessoa de cachorro ou gato. Outro ponto é que as pessoas não precisam necessariamente ter animais de estimação

Existem muitos fatores que podem influenciar uma pessoa a ter animais de estimação. Para algumas delas, fatores como estilo de vida, solidão ou simplesmente aprezo pela vida animal podem ser os principais motivos para determinar se eles possuem um animal de estimação ou não. Depois de analisar estes fatores, outros podem determinar a escolha de um cão, gato ou até outro animal de estimação.

Ou seja, se identificar como uma pessoa de cachorro ou de gato não necessariamente tem a ver com ter o animal em si, o que pode ser com que est comparação se aplique a muitas pessoas. E você, sabe se tem mais a personalidade parecida com qual deles?


Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.