.
Esclerose múltipla - equilíbrio, superação e a alimentação ayurvédica

Esclerose múltipla - equilíbrio, superação e a alimentação ayurvédica

A esclerose múltipla é uma doença que tem aparecido cada vez mais nas estatísticas e proporcionalmente, também tem despertado a preocupação e a curiosidade da população acerca da mesma. Não somente, a alimentação ayurvédica se manifestou em prol de sua cura.

O contato com a doença e os problemas que ela causa estão mais frequentes, porém muitos ainda desconhecem os tratamentos disponíveis, e menos ainda saber que uma alimentação ayurvédica é capaz de trazer muitos benefícios no combate a esclerose múltipla.

Recentemente, entretanto, tivemos o caso da arquiteta Laura Pires – um nome de peso no mundo ayurvédico – que contou para a revista Trip um pouco de sua história com a esclerose múltipla, uma doença que pode ser muito sorrateira, uma vez que se manifesta em diferentes maneiras entre os pacientes.

Esse fato acaba por ser um grande agravante, pois pode passar desapercebida tanto pelo paciente quanto por muitos médicos, permitindo que a condição do paciente se agrave até que se obtenha o diagnóstico correto. Os sintomas podem variar entre incômodos na visão, fadigas intensas, confusão mental, dormência de membros e até mesmo a paralisia total em alguns casos.

Encontre as respostas para os seus pedidos!

Aceite a ajuda do seu Anjo, viva melhor.

Quero a Ajuda Espiritual!

Como a alimentação ayurvédica pode tratar a esclerose múltipla

A esclerose múltipla é uma condição para a qual infelizmente ainda não existe cura dentro da medicina moderna. Os tratamentos tradicionais incluem principalmente o uso de corticoides injetáveis, mas mesmo assim as chances de recuperação em geral não são muito animadoras e ainda restam os terríveis efeitos colaterais. É nesse ponto que surge a alimentação ayurvédica, incluindo uma dieta muito equilibrada e personalizada, composta por uma grande variedade de produtos orgânicos e ervas naturais.

No caso mencionado da arquiteta Laura Pires, foi justamente a alimentação ayurvédica a responsável pelo combate à esclerose múltipla. Segundo seus relatos, Laura passou a introduzir uma dieta especificamente construída para ela, que inclui muitos produtos orgânicos e sempre frescos.

Em adição, passou ainda a fazer meditação e yoga regularmente. Entretanto, uma das características adotadas pela arquiteta e que raramente são possíveis em uma rotina comum é o fato de passar a trabalhar apenas 3 dias por semana, de modo a nunca ultrapassar as 6 horas diárias de trabalho.

Ela também passou a utilizar diariamente óleos a base de ervas especificas por todo o corpo, e o consumo de chás está incluso em diversas horas do dia como antes da práticas de exercícios de respiração e da meditação. Respeitar os horários de dormir e acordar também é parte fundamental do tratamento da Ayurveda.

É importante frisar que a alimentação ayurvédica não é uma cura para a doença, mas sim uma forma de obter alívio para os sintomas sem ter de recorrer a altas doses de medicamentos. Para introduzir uma alimentação ayurvédica também é necessário passar pela avaliação de um profissional habilitado, pois tudo deve ser personalizado levando em conta sua condição e seus hábitos. A Ayurveda recomenda uma reformulação de tudo o que entra em contato com seus 5 sentidos, sendo importante sua influência de diversas formas com seu sistema nervoso.


Leia também: A Ayurveda no tratamento do Reumatismo - como funciona?
Encontre aqui a orientação espiritual que procura!

Saiba mais :

Heloisa Von Ah Heloisa Von Ah

Designer e redatora, respira arte desde que se entende por gente. Apaixonada por gatos, literatura, cinema e músicas que já ninguém mais se lembra, vê na calmaria e na simplicidade o cenário ideal para se viver. Aprendeu de tudo um pouco, de instrumentos musicais a artes marciais; e não vê a hora de mais, já que a vida não pode parar

 

Faça aqui a sua Consulta Online Personalizada: