.
Conheça os alimentos que prometem aumentar o desejo feminino

Conheça os alimentos que prometem aumentar o desejo feminino

A alimentação tem extrema importância para manter e também aumentar o desejo feminino. Para este equilíbrio, a dieta deve consistir em alimentos frescos, principalmente frutas e vegetais, pela riqueza em vitaminas, minerais e fibras. Evitar vilões como fast foods, alimentos congelados e bebidas gaseificadas contribui, além de uma libido equilibrada, uma vida saudável. 
Lembrando que a dieta deve também ser diversificada para evitar quaisquer tipos de carência nutricional. Confira alguns alimentos que contribuem para aumentar o desejo feminino.

Em busca de respostas? Faça as perguntas que sempre quis numa Consulta de Vidência.

10 min de consulta por telefone SÓ R$ 5.

Alimentos para aumentar o desejo feminino


Gengibre
A raiz de gengibre pode ser consumida crua ou cozida. Estimulante do sistema circulatório, tem como consequência o aumento de lubrificação feminina e prolonga a função erétil devido ao aumento do fluxo sanguíneo aos órgãos genitais. O gengibre também tem ação bactericida, desintoxicante, antioxidante e anti-inflamatória. Com sabor picante muito forte, pode ser usado fresco ou seco, em pratos doces ou salgados. Ajuda também na estimulação do metabolismo, sendo desta forma um aliado para manter a boa forma física.

Noz-Moscada
Popularmente conhecida por suas propriedades afrodisíacas, a noz moscada é um reconhecido alimento afrodisíaco. Indicado em um estudo indiano, o extrato de noz-moscada é estimulante de células nervosas e da circulação, ajudando a aumentar o desejo sexual. Pode também ser adicionada ao café, para resultados ainda mais positivos.

Vinho
Relaxante, o vinho contribui para diminuir as inibições e ainda estimular os sentidos, tornando-se uma experiência altamente erótica. No entanto, enquanto desperta sentidos em quantidades moderadas, o seu consumo excessivo faz exatamente o efeito contrário.

Ostras
As ostras têm sido um alimento afrodisíaco desde os tempos da antiga Grécia. Tal como acontece com os outros alimentos afrodisíacos, as ostras possuem nutrientes que estão ligados diretamente à nossa libido e o seu consumo ajuda a enriquecer os nossos sentidos sexuais. Consumidas cozidas ou cruas regadas, por exemplo, com sumo de limão são consideradas dos alimentos com mais potencial afrodisíaco por serem muito ricas em zinco e dopamina.

Amendoim
Outro alimento com poderes afrodisíacos é o Amendoim. Rico em vitamina E, se for consumido sem excessos, aumenta a potência sexual e reforça a energia. Outro fator importante é também a sua riqueza em zinco, nutriente vital para o cérebro. A ajuda deste alimento conta para ambos os sexos. Devido também ao seu teor de zinco, melhora a produção e a mobilidade dos espermatozoides. A falta de zinco pode diminuir em cerca 30% a fertilidade masculina.

Chocolate
O chocolate contém uma ação estimulante e que fornece uma sensação de bem estar, excitação e elevação natural de endorfina. Investigadores chegaram à conclusão que o chocolate contém substâncias químicas que afetam os neurotransmissores no cérebro, e ainda uma substância relacionada com a cafeína chamada teobromina, que fornece um aumento de energia. 
Existem mais antioxidantes no chocolate do que no vinho tinto, portanto, a combinação dos dois pode ser uma boa opção para esquentar o clima e ainda aumentar o desejo feminino.

Abacate
Rico em vitamina B6, o abacate aumenta a produção de hormônios masculinos e ainda auxilia na regularização da tireoide nas mulheres, devido ao potássio.
É rico em minerais e gorduras monoinsaturadas (as chamadas gorduras boas, que protegem o coração e diminuem o colesterol), fornecendo energia e desejo sexual. Outra propriedade fundamental do abacate é o ácido fólico, que ajuda no metabolismo de proteínas e no aumento da fertilidade.

Banana
Contém potássio e vitaminas do complexo B, que são essenciais para a produção de hormônios. A banana tem efeito positivo no desempenho sexual uma vez que é rica em magnésio, que ajuda na circulação promovendo a vasodilatação. Outro fator importante é o fato de ajudar na produção de serotonina, conhecida como o hormônio da felicidade. A serotonina, substância que proporciona bem-estar e prazer depende de alguns nutrientes como a vitamina B6, que está presente na banana. 

Água
O consumo mínimo de água recomendado é de 1 litro por dia. Assim, aumentando o seu consumo diário de água, será possível notar uma maior vitalidade e um melhor funcionamento geral na circulação sanguínea, bem como no funcionamento geral do corpo, incluindo mais energia física.

Canela
A canela provoca o aumento da secreção da lubrificação na mulher e da produção de testosterona no homem, oferecendo uma melhoria do desempenho sexual. As suas propriedades estimulantes vêm da sua capacidade em melhorar a energia, vitalidade e circulação sanguínea. Além do poder afrodisíaco, a canela tem outras qualidades, como a de regular a insulina e, consequentemente, a glicose no sangue. Também ajuda a controlar o apetite, sobretudo por doces, tem ação termogênica e ajuda no controle de peso e gordura corporal.

Pimenta
Alimento comumente associado ao desejo sexual, a pimenta acelera o metabolismo, provocando reações fisiológicas no corpo como o aumento da sensação de calor e transpiração, por causar aumento da circulação sanguínea e frequência cardíaca. Desta forma favorece a irrigação em várias partes do corpo, estimulando também os órgãos genitais. Este condimento têm a capacidade de estimular as terminações nervosas e permite a libertação de endorfina.

Morango
Outro símbolo bastante associado à libido, o morango exerce seu poder afrodisíaco devido ao seu aroma estimulante. As propriedades nutritivas também são muitas. É uma fruta rica em antioxidantes que conservam nossas células e previnem contra o câncer. Por ser uma fruta bastante rica em água (cerca de 90 %) também é bastante diurética e de baixo valor calórico.

Vitaminas e Aminoácidos 


Além das propriedades individuais de cada alimento, grande parte de seus benefícios para aumentar o desejo feminino se dá por conta das vitaminas e aminoácidos presentes neles. Saiba quais são elas:

Zinco
Aumentar os níveis de zinco através da dieta ou suplementos pode aumentar o desejo feminino e masculino por conta de sua atuação nos hormônios sexuais. Contribui também para o crescimento e o bom funcionamento do sistema imunológico.
Alimentos ricos em Zinco: ostras (a maior fonte de todas), carnes, grãos e leguminosas em geral.

Vitamina D
A exposição moderada à luz do sol aumenta a excitação, tanto em homens quanto em mulheres. Aumentando os níveis de vitamina D no organismo, favorece a fixação do cálcio nos ossos e dentes, fortificando a estrutura geral do organismo e o desejo.
Alimentos ricos em vitamina D: ostras, atum, cogumelos, leite, fígado, entre outros.

Vitamina C
A Vitamina C é importante para a síntese de hormônios como o estrógeno e progesterona, normalizando a sua função e até auxiliando na fertilidade. 
Alimentos ricos em vitamina C: laranjas, limões, morangos ou kiwi.

Vitamina E
A vitamina E aumenta o fluxo de sangue e os níveis de oxigênio no corpo, estimulando a produção de hormônios. Poderoso antioxidante, contribui para manter sua juventude e vitalidade. 
Alimentos ricos em Vitamina E: nozes, aspargos, gema de ovo, batata doce, espinafre ou brócolis.

Ácido Fólico
O ácido fólico é uma vitamina essencial para a fertilidade. Daí a importância do ácido fólico para mulheres grávidas que também ajuda a prevenir defeitos de nascença e está ligado a um aumento da contagem de esperma nos homens. 
Alimentos ricos em ácido fólico: abacate, couve de Bruxelas, sementes de girassol, amendoim, amêndoas, nabiças, espargos, beterraba, milho, aipo e cenoura.

Magnésio
O magnésio ajuda na produção de hormônios como o estrógeno. Este mineral tem propriedades afrodisíacas que podem ajudar no relaxamento e aumento do desejo. 
Alimentos ricos em magnésio: trigo, manjericão, sementes de abóbora, sementes de abóbora, sementes de melancia, sementes de linhaça, sementes de gergelim, sementes de girassol, nozes e amêndoas.

L-arginina
Este aminoácido pode ajudar a restabelecer e aumentar o desejo feminino. Estudos demonstram ser benéfico pois melhora os efeitos do óxido nítrico, um componente que ajuda a relaxar os vasos sanguíneos, facilitando o fluxo de sangue pelo corpo. 
Estudos recentes comprovam a eficácia da L-arginina no aumento de intensidade com o parceiro em mulheres, depois ter sido comprovada a eficiência no tratamento de disfunção erétil em homens. 
Alimentos ricos em L-arginina: é encontrada em abundância em alimentos proteicos como a carne, laticínios, aves e peixes.

Leia Também: Conheça simpatias e técnicas naturais para aumentar o desejo feminino


Descubra a sua orientação espiritual! Encontre-se!

Gostou? Compartilhe!