.
Técnica asteca de projeção astral: o canto do grilo e a voz sutil

Técnica asteca de projeção astral: o canto do grilo e a voz sutil

Muito à frente de seu tempo, foram inúmeras as descobertas dos antigos astecas. E mesmo após o fim dessa civilização — há mais de 500 anos — ainda somos presenteados com o inestimável conhecimento que floresceu durante sua existência. Dentre elas, temos a chamada técnica asteca de projeção astral.

Os mistérios têm início em Chapultepec, uma grande colina situada no limiar da zona central da Cidade do México. Através do conhecimento dos antigos xamãs astecas que lá viviam, entramos em contato com a voz sutil, obtida de forma peculiar, e conquistamos o plano astral. Você está pronto para essa experiência?

Como funciona a técnica asteca de projeção astral?

Chapultepec, essa é uma palavra asteca que pode nos ensinar muito sobre projeção astral. Sua tradução deriva de duas outras palavras: chapul (grilo) e tepec (cerro, pequena montanha). E é através de um pequeno e singelo grilo que a técnica se desenvolve — e promete ser uma das mais eficazes para quem deseja ter uma experiência fora do corpo.

Chapultepec nos coloca diante de um segredo milenar, e que envolve o canto de um grilo. Na Antiguidade, o pequeno inseto era capturado e vendido a valores exorbitantes para os sacerdotes da época.

A importância dos grilos está inclusive registrada em pinturas antigas e documentos secretos. Um desses registros se encontra no Museu Nacional de Antropologia, dentro do Parque de Chapultepec na Cidade do México, e relaciona a projeção consciente praticada pelos xamãs Astecas, ao som do canto do grilo.


Clique Aqui: Os segredos do Horóscopo Asteca: primeira parte


O canto do grilo e a voz sutil

Se você tiver esse pequeno inseto próximo à cabeceira da sua cama, e dedicar algum tempo em meditação sob seu canto peculiar, escutará a voz sutil no instante em que estiver adormecendo.

Este é um fenômeno vibracional também muito parecido que acontece quando temos dois pianos igualmente afinados. Se tocarmos a nota “Si” em um deles, o outro repete a mesma nota. Qualquer um pode comprovar essa teoria facilmente.

A mesma lógica se aplica ao canto do grilo. Dentro do cérebro humano existe um som muito semelhante ao que ressoa quando o pequenino inseto canta — e é essa região que devemos nos concentrar se quisermos encontrar a chave para o mundo astral.

O canto do grilo é a voz sutil da glândula pineal (localizada exatamente na altura do chakra coronário). Ela é a responsável por produzir aquele silvo interno que se ouve quando está em um local totalmente silencioso. Mas não confunda os “zumbidos” que os ouvidos produzem de vez em quando.

O som é interno, e vem do trabalho da glândula pineal. Você vai saber identificá-lo; sua origem é natural e te acompanha desde o momento em que nasceu — muitos nem sequer se lembram que ele existe, mas o som está com você o tempo todo.


Clique Aqui: Meditação pode me ajudar a ter uma projeção astral? Descubra!


Como ouvir a voz sutil?

O segredo para encontrar a voz sutil está em se concentrar nesse som agudo tão parecido ao cantar de um grilo, e direcionar toda a sua atenção a ele. Vamos começar encontrando a posição ideal.

Deite-se de barriga para cima, com as palmas das mãos voltadas para baixo. Fique numa posição confortável e procure encontrar esse som interno. Concentre-se em aumentar a ressonância dele através da vontade.

Quanto mais o som se intensifica, mais a pineal “trabalha”. E quanto mais ela trabalha, mais se intensifica o som, formando um ciclo que nos leva rapidamente ao estado de projeção consciente.

Chegará um momento em que o som do “grilo” ficará mais alto, e com ele outros sintomas da projeção virão. Alguns sinais bastante evidentes são imagens, como borrões e luzes coloridas.

De início, pode ser complicado direcionar o foco para essa voz sutil. Seja por uma agitação interna ou ainda pelos ruídos externos como carros passando pela rua, latidos, vizinhos, dentre outros. Para amenizar esses incômodos, você pode usar um fone ou tampões auriculares. Uma vez que a voz sutil vem de dentro de nós, a percepção não é captada pelos órgãos externos.

Será preciso insistência e paciência se quiser realmente escutar tal som místico — encontrar a concentração perfeita é fundamental. A princípio, você escutará muitos sons. Mas ao se concentrar com intensidade, conseguirá escurar o canto do grilo e obterá sucesso. Com o som místico, chegamos inevitavelmente à iluminação.

Ao ser identificado, repare que quanto mais o seu físico adormece, mais a ressonância aumenta. Você pode intensificar ainda mais esse efeito voltando seus olhos (fechados) para a posição do chakra frontal (como se estivesse tentando ficar vesgo).

Aquele que conseguir e souber escutar a voz sutil, poderá sair quase que instantaneamente em projeção astral sempre que quiser. É fundamental aprender a se concentrar no “canto do grilo”, até que esse som místico ressoe dentro de seu cérebro.

A partir daí, as portas para o plano astral estarão abertas. E você será capaz de se levantar naturalmente da cama e sair de sua casa em projeção astral.


Saiba mais :

Heloisa Von Ah Heloisa Von Ah

Designer e redatora, respira arte desde que se entende por gente. Apaixonada por gatos, literatura, cinema e músicas que já ninguém mais se lembra, vê na calmaria e na simplicidade o cenário ideal para se viver. Aprendeu de tudo um pouco, de instrumentos musicais a artes marciais; e não vê a hora de mais, já que a vida não pode parar