.
Significado espiritual do aniversário: o dia mais sagrado do ano

Significado espiritual do aniversário: o dia mais sagrado do ano

Uma vez por ano chega o nosso dia, a data mais especial do ano. Quando criança, me lembro de esperar ansiosamente pelo dia do meu aniversário, que parecia nunca chegar! A gente cresce e, verdade seja dita, nosso aniversário perde um pouco da magia. Mas ainda assim é uma data de alegria, comemoração e muito amor! Recebemos mensagens de parabéns, ganhamos presentes e quase sempre comemoramos com aqueles que amamos. E, é claro, um bolo não pode faltar pois é preciso cantar parabéns. Um aniversário não pode passar em branco!

“O tempo que nos é dado viver só parece curto quando vivemos de modo errado”
Sêneca

Do ponto de vista material, comemoramos mais um ano de vida. Mas e do ponto de vista cósmico? Nosso aniversário tem algum significado espiritual? Leia o artigo e descubra!

A origem das comemorações de aniversário

Será que os aniversários sempre foram comemorados como fazemos há tantos anos? Já pensou sobre isso? A verdade é que os costumes de celebração de aniversários têm uma longa história, ligada com a magia e a religião. Dar parabéns celebrar com velas acesas é um costume muito antigo, que tinha o objetivo de proteger o aniversariante dos demônios e trazer sorte para o novo ciclo. Curiosamente, até o quarto século o cristianismo rejeitava a celebração de aniversário, pois o consideravam um costume pagão. Mas, como na história cristã os rituais pagãos foram muito incorporados pela doutrina, com o aniversário aconteceu o mesmo. Na bíblia, por exemplo, há apenas duas festas de aniversário, em Gênesis 40:20 e Mateus 14:6 e esses eventos foram associados aqueles que não serviam a Deus.

No judaísmo também há menções que caracterizam as comemorações natalícias como uma adoração idólatra. Já os gregos acreditavam que cada um tinha um gênio inspirador que assistia o nascimento e esse espírito tinha uma relação mística com o deus em cujo aniversário o indivíduo nascia. O costume de acender velas nos bolos começou com os gregos, que preparavam bolos de mel redondos como a lua e iluminados com velas para serem colocados nos altares do templo de Ártemis. Com a passagem do tempo, na crença popular as velas adquiriram um caráter mágico, como um veículo condutor que atende aos pedidos. Não existe cortar o bolo de aniversário sem fazer um pedido, não é?

As festas de aniversário como conhecemos hoje começaram na Europa há muitos anos atrás. As pessoas acreditavam em espíritos bons e maus, às vezes chamados de fadas boas e más. E, para evitar que os maus espíritos pudessem influenciar o aniversariante de maneira negativa, já que acreditavam que nesta data a pessoa estaria mais próxima do mundo espiritual, era importante cercar o aniversariante de amigos e parentes, cujos votos de felicidade e sua própria presença protegeriam contra os perigos desconhecidos que o aniversário apresentava. Os presentes simbolizavam a proteção máxima, já que, além de tudo, causam alegria em quem os recebia. Então, presentear alguém no aniversário era muito importante, pois, significava proteção. Além dos presentes, era importante que houvesse comida para os presentes. As refeições em conjunto forneciam uma proteção adicional e ajudavam a trazer as bênçãos dos espíritos bons.

Os altos índices de mortalidade infantil dos tempos antigos também entram para a conta dos elementos que ajudaram a criar as comemorações de aniversário como conhecemos hoje. A comemoração do aniversário visava a celebração da continuidade da pessoa na Terra, algo que deveria ser comemorado em grande estilo.


Clique Aqui: Religiões que não comemoram aniversário


O que acontece no dia do meu aniversário?

Nosso aniversário tem sim uma importância perante o nosso contexto de vida e da nossa missão espiritual. A começar pelo caráter cíclico desse dia, que encerra um ciclo e inicia uma nova fase. E ciclos e transformações parecem ser a linguagem universal para tudo que existe! A natureza e a própria vida na Terra depende dos ciclos.

“Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”
Lavoisier

Nosso aniversário é mais importante que a vida do ano, por exemplo, mais carregado de energia que o Natal ou qualquer outra data. Aliás, através da nossa data de nascimento é possível perceber muito sobre nós e ela não acontece por acaso. Todos nós recebemos uma vibração energética exatamente no momento em que nascemos, que interfere em nosso comportamento, atitudes e até mesmo nas decisões futuras. Quando chegamos próximo dessa data, uma renovação energética intensa tem início e é por isso que enfrentamos o famoso inferno astral! É como se esgotássemos a energia acumulada até ali e tudo recomeçasse. Sim, há muita movimentação energética e espiritual acontecendo quando aniversariamos. Durante o inferno astral por exemplo, o sol começa a caminhar pela última casa do Mapa Astral, lugar representa o inconsciente e uma energia que não conseguimos entender bem. Atraímos pessoas e situações que podem aflorar emoções conflituosas e ocasionar o mau-humor do período. Há quem fique doente, sofra perdas e tenha alguns quadros emocionais como a depressão e ansiedade intensificados, pois o trânsito das energias é mesmo muito intenso.

O aniversário é como um marco em nossa jornada, um momento em que paramos para avaliar a nossa vida. Cada aniversário significa um novo começo, o ciclo de cada corrente de vida completa uma volta a cada 365 dias do ano e as energias daquele mundo individual encerram um ciclo de suas experiências no dia anterior ao aniversário. Nosso poder crístico pessoal libera um novo impulso de Luz e de vida para os corpos inferiores. A presença EU SOU também fica intensa, pois é esse o momento de fazer nascer a esperança de que, no ano que se inicia, possamos expressar mais plenamente o plano divino em nossa vida. É por isso que normalmente sentimos uma queda de energia e de vitalidade durante o inferno astral que acaba com a passagem dessa data, dando lugar a um desabrochar espiritual e bem-estar interior.


Conexão espiritual mais intensa

Como existe uma troca energética com o mundo cósmico, faz sentido pensarmos que durante o nosso aniversário ficamos mais próximos da espiritualidade. Um ano a mais de vida significa um passo adiante na evolução e no autoaperfeiçoamento, um ano mais de experiência e aprendizado e as reflexões que fazemos e toda alegria que envolve esse dia nos aproxima do mundo espiritual.

Apesar do inferno astral, a nossa energia no dia do nosso aniversário é muito espiritual. É como se um portal se abrisse e através dele olhamos para o nosso passado e projetamos o futuro. É inevitável pensar sobre como foi o aniversário anterior, assim como quase todas as pessoas pensam sobre como será o próximo aniversário e como estará a vida até lá. Será que vou atingir tal objetivo? Realizar aquele desejo? Só essa navegação na linha do tempo da nossa vida já nos conecta com o mundo invisível. E, como vimos, essa ideia é bastante antiga e foi através dela que as comemorações de aniversário se tornaram o que conhecemos hoje.

“Para o que vive inconscientemente, um aniversário significa apenas mais doze meses em direção à sepultura”
Cartas dos Mestres de Sabedoria

E, em função dessa conexão mais intensa, nossos protetores espirituais ficam mais acessíveis. É ótimo usar essa data para se aproximar deles! Não deixe de comemorar com quem você ama e aproveitar essa ligação mais estreita para direcionar seu próximo ciclo.


Saiba mais :

Guta Monteiro Guta Monteiro

Apaixonada por filosofia e literatura, é formada em publicidade e estuda espiritualidade desde criança. Buscadora incansável dos mistérios da vida, adora compartilhar ideias sobre Deus e as forças que movem o universo, para ajudar no seu próprio despertar e no encontro com poder divino que existe em nós. Usa a espiritualidade para crescer e ajudar a crescer aos demais e sonha com um mundo feito de igualdade, fraternidade, liberdade e amor.