.
Relacionamento saudável: é possível?

Relacionamento saudável: é possível?

Esta é uma das questões que os casais mais se colocam intimamente com o passar dos anos, será que é possível ter ou manter um relacionamento saudável? O que significa ter um relacionamento saudável? É viver feliz? Mas será que a felicidade é constante? Existe realmente um “felizes para sempre”?

Relacionamento saudável: o que é?

A definição de uma relação sadia é muito relativa e ampla, isto porque tudo depende da região, personalidade e momentos da vida do casal. Entretanto, a grosso modo, um relacionamento que funciona bem é aquele que é harmônico, que reconhece os seus altos e baixos e sabe se reerguer como uma águia após cada situação difícil.


Clique Aqui: 6 qualidades que todo relacionamento precisa ter


Conhecer a si mesmo para um relacionamento saudável

O autoconhecimento é muito importante para se estruturar uma relação. Quando estamos bem conosco mesmos conseguimos compartilhar essa positividade com a pessoa que amamos. Maridos e esposas que não se acertaram com o passado ou que não se aceitam como são geralmente provocam muita tristeza na relação, chegando até mesmo a destruir a relação.

Não necessariamente é necessária a busca por um psicólogo, entretanto a conversa é primordial, tanto as discussões internas que travamos conosco mesmos, quanto aquelas com o nosso cônjuge, com quem devemos nos abrir e sermos cúmplices.


Idealização e o tempo

Dois outros fatores que devem estar presentes em um relacionamento saudável é o cuidado com a idealização e o conhecimento do tempo. Ficar sonhando e criando utopias, coisas imaginárias, não serve de nada e apenas atrasa a vida do casal. É muito comum – por incrível que pareça – que casais recém-casados nunca tenham passado sobre a velhice. Tudo tem sua hora!

E, sobre o tempo, saiba praticar a paciência. Tanto o homem quanto a mulher têm tempos específicos para suas tarefas, seja as relacionadas à casa ou àquelas pessoais. Quando ficamos pressionando a pessoa que amamos além de estarmos destruindo a nossa concepção de tempo e paciência, estamos entristecendo e enraivecendo o ser ao qual devemos o nosso amor.


Clique Aqui: Relacionamento: é preciso apenas amar?


Não se esqueça dos pequenos gestos

Por fim, saiba que os gestos mais simples às vezes curam grandes feridas. Não tenha medo de comprar flores ou de saírem para comer em um lugar especial durante a semana, depois de um dia de trabalho. São essas pequenas surpresas que mantêm muitos aspectos da vida do casal vivos, inclusive a paixão!


Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.