.
Encontros inevitáveis e a transformação de pessoas

Encontros inevitáveis e a transformação de pessoas

Ao decorrer da vida, encontramos diversos tipos de pessoas. Algumas delas nos ensinam coisas que levamos para o resto da vida, outras têm menos contribuição na construção de quem somos, ou pelo menos pensamos assim. O fato é que existem encontros inevitáveis que transformam as pessoas. Assim como afirmava o psicoterapeuta Carl Jung, “O encontro de duas pessoas é como o contato de duas substâncias químicas: se houver alguma reação, ambas são transformadas”.

Encontros inevitáveis

Há pessoas que sabem resgatar nossa essência sem fazer o menor esforço. Talvez elas não desempenhem o mesmo efeito sobre outros, mas causam isso em nós. Outros participam de nossa vida sem que ocorra uma amizade ou compatibilidade, mas sua atuação contribui para nossa compreensão do mundo.

Muitos defendem que devemos ser a pessoa que queremos encontrar. Mas, essa é uma missão difícil. Na maior parte do tempo, temos dúvidas de quem realmente somos e de onde está nosso propósito. O fato é que quanto mais dúvidas sanamos, melhor nos sentimos em nossa pele.

Não podemos negar que nem sempre nossa existência é condicionada por espiritualidade elevada, trabalhos humanitários ou fascínio por uma área específica da vida. Algumas pessoas que passam por nossas vidas nos fazem ficar fascinados por coisas que antes não nos seduziam.

A felicidade é muito melhor quando compartilhada. Porém, se for dividia com alguém que nada nos transmite, é melhor optar pela solidão. Por isso, são tão importantes os encontros inevitáveis, com pessoas que nos acrescentam, que somam em nossas vidas. São indivíduos que fazem nosso coração encolher, umedecem nossos olhos com o sentimento de nostalgia e nos ajudam a nos encontrar. Muitas vezes, temos pesar de como os caminhos entre nós e essas pessoas mudaram por algo alheio a nós.

De cada um destes encontros inevitáveis em nossas vidas, tiramos algum aprendizado. O que esperamos é que a transformação tenha sido recíproca em experiências positivas e que tenha servido de consolo para tempos ruins. Por vezes, é interessante olharmos para trás e saber quais lições aprendemos com essas pessoas e como devemos encarar a vida a partir de agora. Podemos citar algumas lições essenciais que surgem de encontros inevitáveis:

  • Nosso senso de humor deve manter a irreverência, assim como a amizade e o amor;
  • O silêncio pode ser uma benção que é apreciada apenas quando compartilhada com alguém que temos uma comunicação tão real, que não precisamos falar muito;
  • Nossa privacidade deve manter sua individualidade. Podemos criar uma intimidade compartilhada, mas também manter a que temos separados;
  • Todos devem manter suas peculiaridades e hábitos. O encanto está em compartilhar as coisas que amamos;
  • Não basta destacar a importância do outro com palavras, é necessário provar com atos;
  • Nós não devemos nos importar com a moral, mas sim nos interessar pelos valores.

Estas são algumas das lições que podemos tirar dos encontros inevitáveis. Sempre que alguém deixar algum legado em sua vida, que te transformou como pessoa, escreva uma lista destes aprendizados. Mesmo que vocês se afastem, deixe ficar apenas os bons sentimentos.

Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.