.
Símbolos de espiritismo: descubra o mistério da simbologia espírita

Símbolos de espiritismo: descubra o mistério da simbologia espírita

É interessante tratarmos de símbolos de espiritismo pois na verdade eles não existem enquanto símbolos oficiais, ou qualquer coisa do tipo.

Devido à própria doutrina espírita, a necessidade de símbolos é nula pois o que representa o nosso corpo, alma e espírito precisa estar além da imaginação, está na invisibilidade do sentimento, na emoção sentida frente à vida, frente a tudo o que realizamos enquanto seres terrenos e espirituais.

Entretanto, uma espécie de metáfora foi consolidada em símbolo através do tempo. Não é considerada como um símbolo por todos, mas trata-se de uma metáfora simbólica, conheçamos a “videira”.

  • Símbolos de espiritismo - videira

    Símbolos de espiritismo: a videira

    Também conhecida como parreira ou cepa, a videira é o que podemos dizer mais se aproximar de um símbolo para o espiritismo. Além de sua característica natural de crescimento, dando frutos e mostrando claramente uma relação com a evolução do ser, ela também foi metaforizada por Allan Kardec no Livro dos Espíritos, onde ele diz:

    “Porás no cabeçalho do livro a cepa que te desenhamos, porque é o emblema do trabalho do Criador. Aí se acham reunidos todos os princípios materiais que melhor podem representar o corpo e o espírito. O corpo é a cepa; o espírito é o licor; a alma ou espírito ligado à matéria é o bago. O homem quintessencia o espírito pelo trabalho e tu sabes que só mediante o trabalho do corpo o Espírito adquire conhecimentos.”

    Ou seja, a videira (cepa) é uma metáfora que simboliza a nossa vida espiritual através de todos os nossos corpos vívidos. O ramo da videira simbolizando o nosso corpo atual, a seiva que corre através do ramo, o espírito; e o bago de uva, o cacho, propriamente dito, significando a nossa alma, o que nos transcende e nos coordena enquanto seres.

    Esta imagem da videira então nos mostra alguns símbolos de espiritismo. Elabora-se então a imagem da vida através deste pequeno ramo. O mesmo ramo que o pombo branco (também associado ao espiritismo) trouxe a Noé quando a sua arca parou sobre um monte. O ramo que significa vida e evolução, que significa uma transcendência natural através de nós mesmos enquanto seres humanos necessitados de bondade, amor e fé.

    Além da videira, a borboleta e a cor violeta também podem significar a leveza e reencarnação através da vida.

Créditos das Imagens –Dicionário de Símbolos


Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.