.
Vivendo a Semana Santa

Vivendo a Semana Santa

Uma das datas mais populares e lembradas pelos cristãos, a Semana Santa celebra o período compreendido entre a morte e a ressurreição de Cristo; desde sua entrada em Jerusalém até seu retorno, no Domingo de Páscoa.

Essa celebração na verdade era comemorada em apenas dois dias: o sábado de Aleluia e o domingo da ressurreição, porém, durante o Concílio de Nicéia presidido pelo imperador Constantino e organizado pelo Papa Silvestre I, foi instituída a celebração durante toda a semana. Nesta ocasião foi-se consolidada a doutrina da Igreja Católica com a escolha das datas comemorativas e dos livros sagrados.

Faça aqui o seu pedido de oração

Os eventos da Semana Santa


Na Semana Santa, uma das datas mais importante do ano litúrgico, são celebradas sete situações distintas, porém não exatamente uma em cada dia dessa semana. Veja quais são os principais eventos deste período, também conhecido como semana da Paixão.

Leia também:
Oração Poderosa do Amor Verdadeiro à Sagada Família ►


Domingo de Ramos

A primeira celebração se refere a chegada de Cristo em Jerusalém e é celebrada no domingo que dá início a Semana Santa. Ele faz referência à maneira como Cristo foi recebido o que, segundo os relatos dos evangelhos, representou uma população vívida com homenagens, partindo de mantos estendidos pelo chão e aclamações com ramos de árvores.

Tais relatos deram origem à tradição que levamos até os dias atuais, onde fiéis carregam ramos em homenagem à Cristo, dando o nome à referida data.


Procissões e a Missão de Cristo

Acontecendo no período de segunda a quarta feira, a data é adotada por diversas paróquias, as quais organizam eventos como procissões e vias-sacras, as quais não celebram nenhum evento em particular, mas carregam a simbologia das ações de Cristo, bem como sua missão redentora.


Tríduo Pascal

O Tríduo Pascal tem início com a missa vespertina, a qual ocorre na quinta feira e simboliza um dos pontos mais importantes da Semana Santa. Como sua própria denominação já sugere, esta é uma celebração de três dias, a qual se inicia com o Tríduo Pascal na quinta feira e se encerra com a Vigília Pascal no sábado. Por esse motivo não é dada a bênção final na quinta durante a noite e nem na sexta-feira, apenas no sábado durante o encerramento da Vigília.

Leia também:
Oração Poderosa à Santíssima Trindade ►


Eucaristia e Sacerdócio

Na quinta-feira Santa é celebrada a Eucaristia e Sacerdócio Ministerial, os quais representam o sacramento do corpo e sangue de Cristo. Pela manhã é realizada a missa de Crisma e, durante a noite, uma missa solene onde acontece a cerimônia de lavagens dos pés, reencenando o mesmo ato realizado por Jesus Cristo, em demonstração de sua humildade.


Sexta-feira Santa

Nesse dia não há qualquer celebração de missas, a igreja se recolhe em silêncio como forma de representação de seu luto. Tal acontecimento se dá pela celebração da Paixão de Cristo, representado o processo do martírio de Cristo até sua crucificação. Na sexta-feira Santa o mais comum é encontrarmos a celebração por meio de encenações teatrais ou recitando textos marcantes do evangelho.


Sábado de Aleluia

O Sábado de Aleluia é um dia de luto e silêncio para todos os cristãos; sendo que nesta data não se celebra nenhum tipo de missa, casamento, batizado, entre outros eventos da igreja. É nesse dia que acontece a Vigília Pascal - o último dia do Tríduo Pascal -, onde a igreja apresenta uma cerimônia rica em simbolismos sobre a morte e ressurreição de Cristo.


Domingo de Páscoa

Sem dúvidas, o Domingo de Páscoa é a data comemorativa mais importante de toda a Semana Santa e, possivelmente, da fé cristã, pois nela se comemora a ressurreição de Cristo, o qual venceu a morte mesmo após o martírio de sua penitência até a crucificação.


Descubra a sua orientação! Encontre-se!

Gostou? Compartilhe!