.
Salmo 44 – o lamento do povo de Israel pela salvação divina

Salmo 44 – o lamento do povo de Israel pela salvação divina

O Salmo 44 é um salmo de lamentação coletivo, em que o povo de Israel pede a Deus que o ajude, em uma ocasião de grande angústia para todos. O salmo também possui a tensão do pedido de um livramento de uma situação narrada no Antigo Testamento. Veja o significado e interpretação desse salmo.

Afaste as más energias!
Afaste as más energias da sua vida!
Atraia bons fluidos! Liberte-se das más energias e vibrações negativas que possam perturbar você. Não temos a solução dos problemas, mas podemos ajudar na descoberta para o caminho melhor. Saber mais >>

O poder das palavras sagradas do Salmo 44

Leia com atenção e fé os trechos do poema abaixo:

  1. Ó Deus, nós ouvimos com os nossos ouvidos, nossos pais nos têm contado os feitos que realizaste em seus dias, nos tempos da antiguidade.
  2. Tu expeliste as nações com a tua mão, mas a eles plantaste; afligiste os povos, mas a eles estendes-te largamente.
  3. Pois não foi pela sua espada que conquistaram a terra, nem foi o seu braço que os salvou, mas a tua destra e o teu braço, e a luz do teu rosto, porquanto te agradaste deles.
  4. Tu és o meu Rei, ó Deus; ordena livramento para Jacó.
  5. Por ti derrubamos os nossos adversários; pelo teu nome pisamos os que se levantam contra nós.
  6. Pois não confio no meu arco, nem a minha espada me pode salvar.
  7. Mas tu nos salvaste dos nossos adversários, e confundiste os que nos odeiam.
  8. Em Deus é que nos temos gloriado o dia todo, e sempre louvaremos o teu nome.
  9. Mas agora nos rejeitaste e nos humilhaste, e não sais com os nossos exércitos.
  10. Fizeste-nos voltar as costas ao inimigo e aqueles que nos odeiam nos despojam à vontade.
  11. Entregaste-nos como ovelhas para alimento, e nos espalhaste entre as nações.
  12. Vendeste por nada o teu povo, e não lucraste com o seu preço.
  13. Puseste-nos por opróbrio aos nossos vizinhos, por escárnio e zombaria àqueles que estão à roda de nós.
  14. Puseste-nos por provérbio entre as nações, por ludíbrio entre os povos.
  15. A minha ignomínia está sempre diante de mim, e a vergonha do meu rosto me cobre,
  16. à voz daquele que afronta e blasfema, à vista do inimigo e do vingador.
  17. Tudo isto nos sobreveio; todavia não nos esquecemos de ti, nem nos houvemos falsamente contra o teu pacto.
  18. O nosso coração não voltou atrás, nem os nossos passos se desviaram das tuas veredas,
  19. para nos teres esmagado onde habitam os chacais, e nos teres coberto de trevas profundas.
  20. Se nos tivéssemos esquecido do nome do nosso Deus, e estendido as nossas mãos para um deus estranho,
  21. porventura Deus não haveria de esquadrinhar isso? pois ele conhece os segredos do coração.
  22. Mas por amor de ti somos entregues à morte o dia todo; somos considerados como ovelhas para o matadouro.
  23. Desperta! Por que dormes, Senhor? Acorda! Não nos rejeites para sempre.
  24. Por que escondes o teu rosto, e te esqueces da nossa tribulação e da nossa angústia?
  25. Pois a nossa alma está abatida até o pó; o nosso corpo pegado ao chão.
  26. Levanta-te em nosso auxílio, e resgata-nos por tua benignidade.

(Salmos 44:1-26)


Clique Aqui: Salmo 29: o salmo que exalta o poder supremo de Deus


Interpretação do Salmo 44

Para que você consiga interpretar toda a mensagem do poderoso Salmo 44, a Equipe WeMystic fez uma descrição detalhada de cada trecho dessa passagem, confira abaixo:

Versículos 1 a 3 – Nós ouvimos com os nossos ouvidos

Neste trecho do salmo 44, temos o saudoso relato da maravilhosa intervenção divina para libertar os israelitas do Egito. As escrituras sagradas dizem que cada geração de israelitas tinha a obrigação de relatar aos seus filhos e netos o que Deus havia feito pelo seu povo. Era uma história de louvor e descrição do caráter de Deus. “A escolha de Israel como povo de Deus deu-se apenas por Sua graça”.


Versículos 4 e 5 – Tu és o meu Rei, ó Deus

Neste lamento comunitário, o povo pede o livramento de Jacó jurando que, pelo nome de Deus, derrubaria todo os adversários confiando que a vitória seria obtida somente pelo Espírito de Deus.


Clique Aqui: Salmo 28: promove a paciência para enfrentar obstáculos


Versículos 6 a 12 – Mas agora nos rejeitaste e nos humilhaste

Neste trecho do salmo 44, começa a seção de lamentação. Na história, Israel pensava que seu exército não deveria ser encarado como um simples grupo de guerreiros, mas sim os Guerreiros do Todo Poderoso. Já que todas as vitórias eram atribuídas a Deus, as derrotas eram consideradas mandos que Ele mandaria para o castigo. “Tu vendes por nada o teu povo. Quando o povo perdia uma batalha, era como se Deus o tivesse vendido. ” Mas quando Deus livrava o grupo do sofrimento, era retratado como se Deus resgasse o seu povo.


Versículos 13 a 20 – Não nos esquecemos de ti

O povo de Israel alega jamais haver rejeitado Deus. Eles dizem que, caso tivessem rejeitado, seriam merecedores dos problemas, mas que não haviam feito. Eles garantem ter permanecido fieis ao único Deus em postura de oração, jamais tendo louvado outros deuses pagãos.


Clique Aqui: Salmo 27: Afaste os medos, intrusos e falsos amigos


Versículos 21 e 22 – Somos considerados como ovelhas para o matadouro

Estre trecho do salmo 44 prenunciam que o filho de Deus se manifestaria com se tivesse sido rejeitado por Ele.  Mas o Deus de Israel não dorme. O povo clama a Deus apelando para que ele atue em favor dos seus fiéis. O povo só alimenta a sua fé com base no perdão divino e por isso, confia na sua misericórdia e resgate. No versículo 12, o povo sugere que Deus o havia vendido; aqui pede que o resgate — que o compre de volta para si.


Encontre aqui a orientação espiritual que procura!

Saiba mais :

Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Jornalista, mestre em Ciências da Comunicação e escolheu esse destino por amar ler e escrever desde criança. Vive conectada à internet, não perde uma novidade do cinema, da música e da literatura e busca constantemente a evolução pessoal e espiritual

 

Faça aqui a sua Consulta Online Personalizada: