.
Salmo 1 – estudo bíblico e interpretação deste poderoso salmo

Salmo 1 – estudo bíblico e interpretação deste poderoso salmo

Você conhece o Salmo 1? Esta poderosa passagem fala sobre os ímpios e os justos. Deus nos mostra como ser uma pessoa bem-aventurada e fugir dos conselhos que nos afastam do caminho divino. Veja a interpretação abaixo.

Encontre as respostas para os seus pedidos!

Aceite a ajuda do seu Anjo, viva melhor.

Quero a Ajuda Espiritual!

Interpretação do Salmo 1

salmo 1

Você sabe a diferença entre os ímpios e os justos? Os justos são aqueles que pregam a justiça divina. Já os ímpios são aquelas pessoas desnaturadas, insensíveis, indiferentes, que praticam barbaridades contra os outros. Alguns podem dizer: mas não somos nós todos iguais perante a Deus? Todo ser humano foi feito por Deus e criado para segui-lo. Mas existe diferença entre aquele que vive de acordo com a vontade e a palavra de Deus e aquele que contraria a desafia os desejos do criador. O próprio Deus nos diz isso através do Salmo 1.


Leia também: Salmo 2 – interpretação do reinado do Ungido de Deus


1-  Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios

Quem não segue o conselho dos ímpios são aqueles que não se deixam moldar pelos padrões mundanos e pecadores, não se deixar influenciar por conselhos que vão contra a vontade de Deus.


2–  Não se detém o caminho dos pecadores

Todos os seres humanos são pecadores, somos imperfeitos e estamos sujeitos ao erro. Mas podemos errar ao tentar acertar e não seguir o caminho do pecado tendo esta consciência. Isso é fugir do caminho dos pecadores, saber que ele é errado e se afastar dele.


3- Nem se assenta na roda dos escarnecedores

Quem escarnece de Deus, das coisas sagradas ou mesmo de outras pessoas, desrespeitam o Pai. Por isso, afaste-se destas pessoas que só pregam o mal e falam mal dos outros, especialmente quem fala coisas vão contra a vontade de Deus.


4- Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite. (Salmo 1:2)

Quando uma pessoa não tem prazer ao ouvir e seguir os ensinamentos de Deus considera-se que ela perdeu a sua fé, ou teve uma morte espiritual. Precisamos meditar sobre as palavras de Deus para encontrar consolo e prazer através dela. Temos de nos alimentar diariamente da sabedoria divina para manter viva a nossa fé e nosso espírito, da mesma maneira que precisamos nos alimentar para manter nosso corpo físico vivo.


5-  Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem-sucedido. (Salmo 1. 3.)

Quem não quer ser uma árvore plantada junto à uma fonte de água e que nunca murcha? Essa é uma metáfora que mostra que quem está junto a Deus, alimentando-se de sua sabedoria divina estará sempre dando frutos, a seu tempo. Deus propicia isso aos justos, a aqueles que o amam, que defendem seus ensinamentos e têm prazer em viver segundo a vontade divina.


6-  Os ímpios não são assim; são, porém, como a palha que o vento dispersa. (Salmo 1. 4.)

É importante observar que nem todas as plantas sobrevivem, algumas secam até morrer. Com os ímpios, acontece a mesma coisa. Não se alimentam da misericórdia divina, escarnecem de Deus e das coisas sagradas e a eles não vem nenhuma água para alimentar. Definham aos poucos até se tornar palha seca.


7-   Pois o SENHOR conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios perecerá. (Salmo. 1. 6.)

O caminho dos ímpios é um destino que não vale a pena. Muitos afastam-se dos desígnios de Deus achando que isso não terá consequências. Mas a verdade é que Deus é Fiel, e se ele disse que o caminho dos ímpios perecerá, mais cedo ou mais tarde Satanás puxa o tapete de quem vive sem alimentar o seu espírito com a sabedoria divina.

Agora que você já conhece a interpretação do Salmo 1, reze com muita fé e siga o caminho dos justos, que Deus irá trazer uma vida abençoada e bem-aventurada para o seu caminho. Veja o salmo completo abaixo:

“Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.

Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite.

Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.

Não são assim os ímpios; mas são como a moinha que o vento espalha.

Por isso os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos.

Porque o Senhor conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá.”

Que a Paz de Deus esteja com todos vocês.


Encontre aqui a orientação espiritual que procura!

Saiba mais :

WeMystic Brasil WeMystic Brasil

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.

 

Faça aqui a sua Consulta Online Personalizada: