.
Quais são os pontos de acupuntura? Conheça a técnica e seus meridianos

Quais são os pontos de acupuntura? Conheça a técnica e seus meridianos

Responsável pelo tratamento de dores, doenças e disfunções diversas no organismo, a acupuntura trata-se de uma técnica tradicional que compõe a Medicina Chinesa. Nela, o equilíbrio e a harmonia do indivíduo acontecem a partir do estímulo de agulhas a pontos de acupuntura específicos do corpo.

A estimulação dos chamados pontos de acupuntura pode ser realizada não somente através de agulhas, mas também através de laser, pequenas esferas feitas de chumbo ou ainda sementes de mostarda que podem ser, por exemplo, coladas nas orelhas do paciente.

Quais são os pontos de acupuntura?

Também chamados de “acupontos”, os pontos de acupuntura estão localizados no trajeto dos 12 meridianos. Geralmente próximos a terminações nervosas, os tendões, feixes musculares, articulações e ligamentos tendem a receber as agulhas ou outro estímulo. Acredita-se, desde tempos antigos, que tais locais possuem uma maior circulação de sangue e, consequentemente, energia.

Atualmente, o conceito permanece o mesmo. No entanto, o avanço da medicina foi capaz de constatar com o passar do tempo que terminações nervosas realmente possuem maior atividade elétrica – correspondendo aos locais de grande energia, de acordo com a linguagem mais arcaica.

Desde os anos 60, sabe-se que 99% dos pontos de acupuntura estão presentes onde há muitas terminações nervosas. Do total, 70% deles também correspondem a pontos-gatilho, ou seja, pontos doloridos se pressionados, mesmo quando o paciente se encontra em um estado normal.


Clique Aqui: Conheça os benefícios da Acupuntura


Até os dias de hoje, não há uma precisão ao determinar quantos são os pontos de acupuntura. O que se sabe é que, considerando os pontos clássicos e os extras, esse número pode chegar a dois mil – ainda que sejam pouco mais de 350 os praticados abertamente. Para poder aplicar a medicina, um acupunturista precisa dominar ao menos 120 dos pontos descobertos. Localiza-los com precisão é mais um dos requisitos fundamentais.

Sempre que uma agulha é inserida em um ponto, espera-se obter a sensação de “Qi”. Essa sensação é referida pelos pacientes como sendo de dormência, ardência, peso, dor discreta ou ainda de coceira. Essas reações podem der diminuídas ou sequer sentidas por pacientes com algum tipo de alteração neurológica, principalmente aquelas causadas pelo uso crônico de bebidas alcoólicas, diabetes ou mesmo em decorrência da idade.

Nesses casos, o resultado do tratamento tende a ser mais lento, sendo necessário um maior número de aplicações até que se atinja o objetivo desejado.


Clique Aqui: Como funciona a acupuntura?


Os 12 meridianos da acupuntura

Apesar de parecerem apenas um emaranhado, os meridianos seguem uma lógica e, principalmente, a presença das energias Yin e Yang. São três canais Yin nas mãos, que vão dos membros ao tórax, responsáveis pelo pulmão, coração e pericárdio; outros três canais Yin nos pés, que vão novamente dos membros ao tórax, mas que cuidam do pâncreas, baço, fígado e rins.

A energia Yang está presente nas mãos, em canais que partem do peito e chegam as extremidades. Eles estão ligados ao intestino grosso, delgado e ao triplo aquecedor (sistema metabólico). Outro trio de energia Yan nos pés tem início no rosto, dão a volta na cabeça e descem em direção aos pés. Elas são responsáveis pelo cuidado do estômago, vesícula biliar e bexiga.

Cada um dos órgãos e sistemas abrangidos pelas energias Yin e Yan compõe os 12 meridianos principais, abrigando os mais de 350 pontos de acupuntura com menor tensão elétrica. Através da combinação deles, o acupunturista é capaz de consertar o “curto-circuito” que vem acometendo o paciente.

Sendo assim, confira a seguir uma breve descrição sobre cada um dos meridianos e quantos são os pontos de acupuntura que cada um deles abrange.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano dos Pulmões

    Usado para infecções de pele, problemas de ordem respiratória e tratamento dos cabelos. Ao todo, contém 11 pontos direcionados ao tratamento de asma, tosse (inclusive com sangue), bronquite, dores nos ombros, amidalite, pneumonia, falta de ar, dores no peito e joelhos, por exemplo.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do intestino grosso

    Possui 20 pontos que tratam a dor nas zonas frontais da cabeça e face, bem como dores de dente e congestão nasal. Reduz a temperatura do corpo e dores nas áreas frontais do ombros e cotovelo. Atua como tratamento para a tendinite.

    Dentre os sintomas e doenças que esse meridiano trata estão a hemorragia nasal, rinite, paralisia facial, tendinite, bursite no ombro, urticária, dores no braço, ombro e cotovelo, cólica menstruais, conjuntivite, dermatite, caxumba, dor de dente, tontura, gengivite e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do estômago

    Trata problemas situados na cabeça e face, bem como inchaço abdominal, diarreia ou constipação. Indicado ainda para dores nos joelhos e melhora no sistema imunológico. Ao todo são 45 pontos direcionados ao tratamento problemas como miopia, conjuntivite, tiques, dores de cabeça, tontura, dor de dente, paralisia facial, zumbido no ouvido, rouquidão, asma, tosse, bronquite, dor nos braços, cólica intestinal, náusea, vômitos e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do baço-pâncreas

    Claramente, esse meridiano está relacionado aos problemas pancreáticos, digestivos ao diabetes e também indicado para pessoas que sofrem com volumes do corpo que crescem devido a algum desequilíbrio – como nas distensões abdominais, por exemplo.

    Ao todo, são 21 pontos que buscam tratar problemas como dores no estômago, indigestão, cólica intestinal, disenteria, hemorroida, artrite nos pés, gota, lombalgia, má digestão, falta de apetite, icterícia, menstruação irregular, impotência, infecção genital, corrimento vaginal, endometriose e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do coração

    Em se tratando do coração, esse é um meridiano estritamente ligado a alegria e aos sintomas como ansiedade, insônia, além de outras patologias cardíacas. Ao todo, são apenas 9 os pontos que o compreende.

    O tratamento aqui é capaz de abranger problemas como dores no braço, ombro e peito, dor de cabeça, icterícia, corpo gelado, nevralgia, espasmos, histeria, edema, rouquidão, palpitação, insônia ou sonolência, preguiça, dor nos punhos e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do intestino delgado

    Com um total de 19 pontos, esse meridiano é recomendado para quem sofre principalmente de dores nas costas, punhos e cotovelos. No entanto, como se pode observar também nos demais meridianos, ele trata uma grande variedade de enfermidades.

    Entre os sintomas e doenças pertencentes ao seu leque estão a surdez, otite, rouquidão, dor de dente, dor na nuca, amidalite, torcicolo, dor de garganta, tendinite, falta de leite pós-parto, tosse, hipertensão, gengivite, tontura, mania e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano da bexiga

    Dentre os mais abrangentes meridianos, o da bexiga possui 67 pontos de acupuntura, os quais atravessam todo o corpo do paciente em uma linha vertical. Sua abrangência é direcionada especialmente ao tratamento de problemas nos olhos, dores na parte inferior das costas, posteriores das partes, cãibras e distúrbios urinários.

    Outros benefícios desse meridiano podem ser observados no tratamento de sinusite, rinite, tétano, torcicolo, insônia, sonolência, esquizofrenia, ansiedade, epilepsia, falta de memória, queda de cabelos, anorexia, cirrose, comportamento maníaco e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano dos rins

    Alguns pontos desse meridiano podem ser direcionados ao tratamento de patologias ósseas, como lombalgias, dores nos joelhos, coluna ou ainda alternações nas articulações. Problemas relacionados às funções urinárias também recebem a devida atenção.

    Ao todo, são 27 pontos capazes de tratar tontura, coma, convulsões em crianças, fobias, insônia, diabetes, dor nos pés, distúrbios dos órgãos genitais, dor de dente, estomatite, miopia, comportamento maníaco, impotência, anorexia, náusea, vômito, má digestão e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do pericárdio

    Este é um meridiano com funções muito semelhantes ao do coração, mas com algumas diferenças. Aqui temos um tratamento mais direcionado a problemas como vômitos, náuseas e a regulação do sangue. São apenas 9 pontos que podem auxiliar contra dores no peito, no braço, palpitações, soluço, febre, depressão, ansiedade, amidalite, sarna, distúrbios mentais, dor na boca do estômago e outras.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano triplo-aquecedor

    Com 23 pontos de acupuntura, esse meridiano é utilizado para tratar problemas nos olhos, ouvidos, enxaqueca e também dores nas costelas e articulações do ombro, cotovelo e punho. Outros benefícios do triplo-aquecedor estão no tratamento de zumbido, febre, dor de garganta, sudorese, caxumba, surdez, vômito durante a gravidez, rouquidão, bursite, otite e outros.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano da vesícula biliar

    Apesar de uma certa abrangência, esse meridiano é utilizado principalmente para o tratamento da enxaqueca, problemas nos ouvidos, fígado e dores musculares ao redor das costelas. Dores no pescoço, pernas, ombros, joelhos e nervo ciático também estão entre os seus benefícios.

    Outras utilidades do meridiano da vesícula biliar estão no tratamento da paralisia facial, surdez, dor de dente, rinite, zumbido, dor nos olhos, insônia, epilepsia, psicose, vômito, acidez, hepatite, corrimento, dor no quadril, coceira na pele, e tantos outros. Esse longo meridiano contém 44 pontos de acupuntura.

  • pontos de acupuntura

    Meridiano do fígado

    Por fim, temos o 12º meridiano, direcionado ao fígado. Os tratamentos abrangidos por ele incluem dores de cabeça, espasmos faciais, tonturas, TPM e menstruação irregular. Ele está disposto em 14 pontos e pode também beneficiar pacientes que buscam soluções para hepatite, malária, insônia, hérnia, dor no pênis, inflamação da próstata, sonolência e tantas outras enfermidades


Saiba mais :

Heloisa Von Ah Heloisa Von Ah

Designer e redatora, respira arte desde que se entende por gente. Apaixonada por gatos, literatura, cinema e músicas que já ninguém mais se lembra, vê na calmaria e na simplicidade o cenário ideal para se viver. Aprendeu de tudo um pouco, de instrumentos musicais a artes marciais; e não vê a hora de mais, já que a vida não pode parar