.
Lua em Peixes – hipersensibilidade a todo momento

Lua em Peixes – hipersensibilidade a todo momento

No mapa astral, a forma como lidamos com os nossos sentimentos e com as emoções dentro das nossas relações pessoais é determinada pelo posicionamento da lua no momento em que nascemos. Veja no artigo quais são as características emocionais das pessoas que nascem com a lua em peixes.

Em busca de respostas? Faça as perguntas que sempre quis numa Consulta de Vidência.

10 min de consulta por telefone SÓ R$ 5.

Lua em Peixes – sensíveis e criativos


Quem possui a lua em peixes costuma ter uma sensibilidade ampliada, expressam suas emoções de forma intensa e se interessar pelo misticismo e espiritualidade.  Tendem a desenvolver a sua mediunidade, conseguem captar energias e sentimentos de pessoas e lugares e têm forte ligação com os pressentimentos.

São pessoas de imaginação fértil, criatividade viva, muito sonhadoras, românticas e impressionáveis. Como o sentimento é parte muito forte da sua vida (pois é muito sensível a eles), costumam se importar muito com as emoções dos outros, tendo forte senso de compaixão. Não consegue ver alguém sofrendo e não fazer nada, por isso é comum vê-los envolvidos em causas de caridade e humanitárias.

Leia Também: O que a lua diz sobre a sua personalidade?

As profissões da lua em Peixes


Quem tem a lua em peixes tem tendência a se ligar a atividades ligadas à criatividade  como o cinema, o teatro, a dança, a fotografia e outros campos das artes. Como gostam de se sentir úteis e subservientes, são excelentes para trabalhar em hotelaria e restaurantes, ganhando destaque entre os demais funcionários pela gentileza, eficiência e simpatia. Também se dão bem em obras de voluntariado e filantropia e gostam de profissões ligadas ao mar.

Leia Também: Lua Cheia: bela, misteriosa e energizada

O excesso de sentimentos pode fazer mal


Como são hipersensíveis e gostam muito de demonstrar sentimentos (é praticamente uma necessidade), eles podem sucumbir à eles em momentos de muita pressão ou tristeza. Eles não conseguem lidar bem com esse tipo de situação e podem enfrentar a queda da autoestima, excesso de carência, fragilidade extrema, escapismo da realidade e excesso de fantasia. É preciso cuidar da sua hipersensibilidade e saber aproveitá-la para não sofrer esse tipo de influência.

Gostou? Compartilhe!