.
Conheça as bases da religião Umbanda

Conheça as bases da religião Umbanda

O que é Umbanda?


A religião Umbanda foi fundada no Rio de Janeiro em 1908. Ela foi formada pela união de preceitos cristãos, africanos e indígenas  e as três culturas religiosas estão na base teológica das práticas e rituais umbandistas. O marco da criação da religião aconteceu quando o medium Zélio Fernandino de Morais diferenciou a prática do espiritismo, através da manifestação do Caboclo das Sete Encruzilhadas, que na prática kardecista não era permitida pois os espíritos de índios e negros não eram considerados como evoluídos.

A Umbanda como prática religiosa dispensa cobrança financeira como parte de suas práticas, porém, é autorizado que os umbandistas contribuam voluntariamente para a manutenção dos terreiros. É comum na Umbanda a prática de assistência social  aos que mais precisam, os umbandistas doam ações, objetos ou dinheiro com intenção de ajudar a quem precisa. O tempo e o auxílio espiritual desinteressado ou livre de segundas intenções tem sido os maiores atrativos dos fiéis umbandistas.

Em busca de respostas? Faça as perguntas que sempre quis numa Consulta de Vidência.

10 min de consulta por telefone SÓ R$ 5.

A mediunidade: um dos pilares da Umbanda


Com heranças do espiritismo, a Umbanda também utiliza da incorporação de espíritos em seus trabalhos e rituais. Pessoas comuns buscam orientação dos médiuns para a sua vida espiritual, que auxiliam problemas graves ou corriqueiros através de sua dedicação espiritual, sacerdotal e dos aconselhamentos dos guias e orixás. A mediunidade independe da crença religiosa das pessoas, mas encontrou na Umbanda terra fértil para se manifestar livremente. Foi na Umbanda que todos os espíritos tiveram liberdade para incorporar, independente de sua cor, credo ou nível de intelectualidade. Todos podem transmitir seus conhecimentos para o bem da humanidade.

Leia Também: Conheça os principais Orixás de Umbanda

O que são os Orixás de Umbanda?


Os orixás são os guias espirituais da religião Umbanda, são entidades que representam as forças da natureza, eles são aliados dos seres humanos,  protegem e guiam aqueles que nascem como seus filhos. Os filhos do Orixá são aqueles que nascem sob o manto da vibração do Orixá, e somente através dos ritos da religião pode-se saber de qual Orixá cada um é filho.

Eles seriam a expressão mais próxima dos santos na igreja católica, mas com uma diferença essencial: os Orixás não são perfeitos, eles são imperfeitos como nós, possuem virtudes e defeitos humanos. Acredita-se, entretanto, que os Orixás não tiveram vida corpórea aqui na terra como a igreja católica prega para os santos, eles representam a energia oriunda da natureza e agem para nos auxiliar nas dificuldades do dia a dia. Os Orixás da religião Umbanda não incorporam (ao contrário do que acontece no Candomblé), eles se manifestam através dos Falangeiros de Orixá, que são guias que trabalham sob as suas ordens.

Leia Também: Candomblé e Umbanda – conheça as diferenças entre as duas religiões

O que são os pontos de umbanda?


Os pontos de umbanda são os cânticos sagrados da religião, que têm diversas funções como, por exemplo, homenagear uma entidade ou convidá-la ao convívio no centro.

Os pontos de umbanda precisam ser cantados com cadência única, em harmonia,  sem exageros, pois a harmonia do ponto é crucial para dar a luz necessária e equilibrar a energia para a vinda dos guias e protetores espirituais.

Leia Também: Afinal, o que é Umbanda? Descubra no artigo


Descubra a sua orientação espiritual! Encontre-se!

Gostou? Compartilhe!