.
Casa assombrada: como identificar os sinais de assombração?

Casa assombrada: como identificar os sinais de assombração?

Quando nos sentimos desconfortáveis ou incomodados dentro de determinado ambiente, possivelmente este é um sinal de que algo não vai bem. Junto a tal sensação estranha, pode-se ter a clara impressão de que estamos lidando com uma casa assombrada ou a intervenção de espíritos desencarnados em locais específicos, o que pode ser constatado mediante algumas observações.

Em busca de respostas? Faça as perguntas que sempre quis numa Consulta de Vidência.

10 min de consulta por telefone SÓ R$ 5.

Como identificar uma cassa assombrada?


Para ter a certeza de que o caso realmente se trata de uma assombração, é possível identificar uma série de sinais a fim de caracterizar fenômenos leves ou extremos, os quais poderão determinar a índole desta entidade que habita uma casa assombrada. Classificados em sinais leves e extremos, os espíritos que assombram determinado local podem ter desde as melhores intenções, como a de transmitir mensagens, até comportamentos “brincalhões” e malignos. Fique atento às diferenças e saiba se está vivendo em uma casa assombrada por alguma dessas entidades.

Leia Também: Como identificar a presença de espíritos em quatro graus de contato

Sinais leves


Geralmente, os sinais leves de assombração são transmitidos por espíritos mais fracos, por vezes recém desencarnado ou que simplesmente não têm intenção em fazer o mal; talvez apenas pregar uma peça ou fazer-se ouvir de alguma maneira para passar uma mensagem.

Entre os sinais mais comuns de uma casa assombrada por estas entidades inofensivas estão os ruídos inexplicáveis e luzes piscando. Geralmente manifestados por espíritos brincalhões, os ruídos podem vir de batidas na parede, em armários, portas abrindo e fechando, entre outros. Mas lembre-se que nem sempre estes sinais representam brincadeiras, podendo ainda simbolizar a intenção de transmitir mensagens.

Outras possibilidades que indicam a presença destes espíritos é o comportamento anormal dos animais domésticos, os quais podem parecer estar enxergando ou perseguindo algo que aparentemente não existe. Sensações de ser observado também são bastante comuns.

Leia Também: Sinais da presença de espíritos: aprenda a identifica-los

Sinais extremos


Muito mais intensos e, por vezes, perigosos, os sinais extremos aparecem quando espíritos geralmente mal intencionados estão presentes. Em geral, eles podem ser manifestados através de quatro maneiras: fenômenos psicocinéticos, sentir cheiros, toques ou se deparar com aparições dentro da casa assombrada.

Os fenômenos psicocinéticos, ao contrário dos ruídos de portas e janelas que ouvimos em sinais leves, provocam realmente a movimentação de objetos em frente aos nossos olhos. Neste caso, portas e janelas podem se abrir e fechar violentamente, aparelhos eletrônicos ligam e desligam e outras manifestações. Quanto à sensação de toque, muitos são os que já relataram ter sentido uma mão pousada ao ombro ou mesmo dar-lhe um empurrão.

Cheiros de perfumes que não existem em sua casa ou odores inexplicáveis também podem ser sinais extremos de que está em uma casa assombrada. No entanto, as aparições costumam ser a manifestação mais corriqueira dentre os sinais, surgindo como uma névoa em forma humana ou indistinguível, a qual desaparece logo em seguida.

Lembre-se que, diante destes sinais mais graves da presença de espíritos dentro de sua casa, é importante ficar atento às manifestações para então descobrir qual a verdadeira intenção desta entidade. Nestes casos, muitas pessoas costumam enlouquecer, cometer suicídio ou até mesmo sofrer agressões e assassinatos pelos espíritos malignos ou membros da família que se desequilibraram emocionalmente.


Descubra a sua orientação espiritual! Encontre-se!

Gostou? Compartilhe!