.
A personalidade das Deusas Gregas – veja sua Deusa Interior

A personalidade das Deusas Gregas – veja sua Deusa Interior

Existem inúmeras deusas gregas, mas 6 delas são as principais, mais importantes e significativas na mitologia da Grécia Antiga. O psiquiatra suíço Carl Gustav Jung foi quem notou que na descrição de cada uma elas, encontrava-se a essência do pensamento feminino. As características das mulheres, os mitos, a espiritualidade, os desejos, anseios e medos estão descritos na personalidade de cada deusa. Veja qual é a sua deusa interior.

Encontre as respostas para os seus pedidos!

Aceite a ajuda do seu Anjo, viva melhor.

Quero a Ajuda Espiritual!

Deusas Gregas – a personalidade das 6 principais

Você já sabe qual é a deusa grega que te representa? Aqui neste artigo nós mostramos um teste que indica qual delas te guia, te protege e te representa. Veja agora as características de cada uma delas.

  • Atena

    História de Atena:  Atena é filha de Zeus, e nasceu de um caso extra-conjugal que seu pai teve. Quando a amante de Zeus lhe contou que estava grávida, enfurecido, ele a engoliu por inteira. Depois de um tempo, ele passou a sentir dores de cabeça terríveis, insuportáveis. Por isso, chamou um ferreiro e pediu que ele rachasse o seu crânio para aliviar a dor. Feito isso, lá de dentro da cabeça de Zeus saiu Atena, uma mulher adulta, formada, que já nasceu armada.

    As características de Atena: Atena é uma mulher extrovertida, independente e dominadora. Como seu jeito prático e inteligente, costuma ter destaque em seu ambiente de trabalho, sendo inclusive intimidadora, especialmente aos homens. Seu lema é trabalho, dedica-se a ele de corpo e alma. É quem rege a educação, a vida intelectual, as artes literárias e a vida urbana. Apesar de intimidar os homens, ela se dá bem com eles, costuma ter mais amigos homens que mulheres.  Costuma ter êxito na vida profissional e lutar pelos direitos das mulheres. Gosta de homens sensíveis que cuidem dela emocionalmente. É chamada pelos gregos de “companheira de herói”. A melhor fase da sua vida acontece depois dos 35 anos.

  • Afrodite

    História de Afrodite: A lenda conta que Cronos, filho de Gaia, cortou o pênis de seu pai Urano e o arremessou ao mar. Do órgão genital surgiu uma espuma, que fecundou Tálassa, a personificação do mar. Então, a partir daí surgiu a Virgem Afrodite, que flutuou até as margens sobre uma concha de vieira.

    As características de Afrodite: É a mais bela e mais sensual entre todas as deusas gregas. É a regente do amor e da sexualidade, todos os aspectos da vida íntima das pessoas são regidos por ela. É uma deusa sem pudores sexuais, que gosta de tudo que é belo, fino, requintado. Ela se dá muito bem com os homens, pois possui um magnetismo pessoal que atrai todos os olhares para si, possui charme irresistível. Não busca um casamento e filhos, sua vida tende a ser uma aventura. Ela gosta da conquista e de usar o seu charme e seu corpo ao seu favor. Ela é a deusa que os romanos chamam de Vênus, a Deusa da Beleza e da sensualidade. Misteriosa e exótica, é a deusa da paixão e da compaixão.

  • Deméter

    História de Deméter:

    Deméter é a deusa da agricultura e da gravidez. Ela viveu terríveis momentos quando sua filha Perséfone foi sequestrada. Durante todo o período em que a filha ficou sumida, Deméter nºao fertilizou o solo e os homens passaram muito tempo sem conseguir produzir nada na agricultura. Quando sua filha foi finalmente encontrada, ela trouxe a fartura de volta aos campos. Na Grécia, ela é reconhecida como a deusa da reprodução e da renovação da vida.

    As características de Deméter: Muito ligada à casa e à família, Deméter sempre teve instinto maternal, uma casa impecável, filhos bem alimentados e bem-criados. Como deusa da agricultura, é chamada também de senhora das plantas. Tem a tendência de lidar de forma maternal com todos ao seu redor, especialmente os homens. Lida bem com as crianças e com os adolescentes. É alguém nascida para ser mãe e avó, que fica feliz em contar histórias para as crianças dormirem e ajuda-los a se tornar grandes pessoas.

  • Perséfone

    História de Perséfone: quando ela ainda era uma adolescente, foi sequestrada e levada para o mundo inferior, o mundo dos mortos. Lá, ela cresceu, se tornou uma mulher madura, forte, conhecedora de toda a dor e o sofrimento. Ela voltou ao mundo dos vivos para ensinar os vivos a lidar com o lado de lá, com o mundo dos espíritos.

    Características de Perséfone: Entre as deusas gregas, é a mais mulher discreta, modesta e que prefere passar despercebida. Muita segura, estável, uma mulher de rotinas. Guarda a inocência de criança, que perdeu muito jovem quando foi para o lado de lá e conheceu os lados mais obscuros dos seres humanos. É introspectiva e muitas vezes solitária e incompreendida. É uma pessoa doce e carinhosa, se importa com todos ao seu redor, lida muito bem especialmente com sua mãe, Deméter.

  • Deusa Ártemis

    História de Ártemis: Zeus era um homem bastante infiel à sua esposa, Hera. Em um dos seus muitos casos extraconjugais ele engravidou Leto, sua amante. Hera que é das deusas gregas mais geniosas e imperativas,  ficou furiosa e proibiu qualquer pessoa do Olimpo que ajudasse Leto durante o seu parto. Leto vagou por dias e dias a procura de um lugar seguro para ter seu filho. Posêidon, irmão de Zeus, teve piedade de Leto e permitiu que ela tivesse uma ilha só para ela, para ter o filho. Lá ela teve um casal de gêmeos, Ártemis e Apolo. Quando eles tinham 2 anos de idade, foi concedida a permissão para que eles conhecessem seu pai. Zeus ficou encantado com a pequena Ártemis e prometeu que daria a ela tudo o que ela pedisse. Ela se tornou uma mulher cheia de desejos e personalidade forte. Ela pediu a seu pai as montanhas e as florestas intocadas para morar, uma matilha de cães selvagens para a proteger, bem como um arco e flecha. Além disso, solicitou ninfas para acompanha-la, além de uma túnica curta, que não a limitasse de correr. Por último solicitou ao pai o direito de permanecer solteira, não queria pertencer a homem nenhum. Todos os seus pedidos foram atendidos.

    Características de Ártemis: É uma deusa independente, cheia de energia, que ama a natureza e os animais. É a deusa mais popular da Grécia, apontada como uma deusa indomada, que rege a atividade física, a dança e o atletismo. A mulher Ártemis é independente e não procura relacionamentos estáveis. Se encontra um homem que ama e se casa com ele, precisa ter seu espaço respeitado e sua individualidade mantida. Não ligam para vestes elegantes ou profissionais, preza pelo conforto. Pelo extremo respeito pela natureza, as mulheres Ártemis costumam ser vegetarianas.

  • Hera

    História de Hera: Hera é a mulher de Zeus, a Rainha dos Céus, e como tal o ajuda a governar Olimpo. É o braço direito de Zeus, que toma decisões em conjunto com ela. É a companheira ideal, a base para todo o sucesso de Olimpo. Gere o casamento e funções públicas, preocupa-se com a moralidade e os bons costumes. Tem função primordial de comando.

    Características de Hera: É uma mulher forte, que quer ter ao seu lado um homem igualmente forte. Autoconfiante e decidida, nasceu para mandar. Dá grande importância ao dinheiro e à classe social, exerce influência marcante sobre o marido, filhos e amigos. Gostam de comandar e gerir. É monogânica e só se relaciona com seu marido. Caso se sinta traída ou rejeitada, vira uma fera. Passa a vida a reclamar e gosta de fazer o papel de mártir.

Qual das deusas gregas mais se parece com a sua personalidade? Diga-nos nos comentários.


Encontre aqui a orientação espiritual que procura!

Saiba mais :

Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Jornalista, mestre em Ciências da Comunicação e escolheu esse destino por amar ler e escrever desde criança. Vive conectada à internet, não perde uma novidade do cinema, da música e da literatura e busca constantemente a evolução pessoal e espiritual

 

Faça aqui a sua Consulta Online Personalizada:

Gostou? Compartilhe!