.
A importância na escolha do cristal: saiba como escolher o seu

A importância na escolha do cristal: saiba como escolher o seu

Hoje em dia, com toda a revolução humana e da sociedade, o mundo faz-se caos a cada momento que passa. Muitas pessoas se esquecem do próximo ou de si mesmas, trazendo prejuízos à toda a sociedade. Os desejos tornam-se mais intensos e, por vezes, perigosos, assim como as necessidades parecem mais abrangentes e complexas.

Uma das necessidades de muitos é a posse de um cristal. Mas isso qualquer pessoa poderia ter, entretanto para saber como bem escolher o seu cristal leva tempo, e não para aprender, mas sim para se familiarizar com o cristal em si e saber se este realmente é aquele que te guiará e te protegerá. Aquele que para você, será um amuleto precioso.

Encontre as respostas para os seus pedidos!

Aceite a ajuda do seu Anjo, viva melhor.

Quero a Ajuda Espiritual!

O meu cristal: do que preciso?

cristal

Antes de saber realmente se você está preparado para ter um cristal, é primordial que você saiba os seus objetivos e necessidades. Para isso é importante entender o que vem a ser um cristal.

O cristal é um mineral encontrado em rochas, em grutas, onde desde a antiguidade é utilizado como forma de amuleto. Seus formatos, cores e lapidações representam o seu poder para com o nosso corpo e alma. O trato com o cristal deve ser meticuloso e positivo, para que ele não fique carregado de maneira obscura e venha te fazer mal.

As pessoas procuram o cristal como um amuleto para a proteção, para se livrarem de maus caminhos, para ficarem mais confidentes em suas escolhas, assim como para as protegerem de qualquer mal, seja corpóreo ou espiritual, sobretudo das energias negativas que rondam por este mundo.


Leia também: Aprenda a limpar, energizar e programar o seu cristal


O meu cristal: como vou saber?

Mas como descobrir qual o cristal correto para mim? Bem, você precisa senti-lo, olhá-lo e tocá-lo à pele. Existem aqueles que sentem formigamentos, outros chegam a ver o cristal acendendo, tem até quem o vê esquentando a mão quando se aperta, como uma forma de consolo e primeiro toque.

Procure bem sobre as formas e cores dos cristais. Alguns, para certas pessoas, não são aconselhados de serem mantidos lapidados, sendo dada a preferência para a sua forma bruta, como o quartzo rosa e a ametista.

Outros, devem ser mantidos sempre em contato com a pele ou cabelo, podendo ser lapidados para aderirem como acessórios, por exemplo.

O mais importante é que, após a escolha afetiva e efetiva de seu cristal, você o energize com a sua energia para um equilíbrio entre possessor e cristal.


Encontre aqui a orientação espiritual que procura!

Saiba mais :

David Fiveer David Fiveer

Acima de tudo, queremos ver você feliz e equilibrado. Compartilhamos informação e autoconhecimento. Acreditamos que o conteúdo pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada e tranquila.

 

Faça aqui a sua Consulta Online Personalizada:

Gostou? Compartilhe!